Propaganda de álcool e associação ao consumo de cerveja por adolescentes

11 de novembro de 20121min

Rev Saúde Pública 2011;45(3):441-7
Roberta Faria, Alan Vendrame, Rebeca Silva, Ilana Pinsky

A iniciação do uso de álcool é influenciada por fatores individuais e interpessoais, incluindo aspectos familiares, biológicos, de temperamento e ambientais,  dentre os quais se encontra a publicidade de bebidas alcoólicas.

Estudos indicam que a propaganda influencia o consumo de álcool por adolescentes. Embora não haja extensas pesquisas sobre a propaganda de álcool no Brasil, essa discussão iniciou-se no mundo há mais de 20 anos. Há dois tipos principais de estudos sobre o tema: os econométricos e os de consumidores.

acesse: pdf Propaganda_alcool_e_consumo_cerveja_adolescentes.pdf

Artigo disponível em português e inglês em: www.scielo.br/rsp


Sobre a UNIAD

A Unidade de Pesquisa em álcool e Drogas (UNIAD) foi fundada em 1994 pelo Prof. Dr. Ronaldo Laranjeira e John Dunn, recém-chegados da Inglaterra. A criação contou, na época, com o apoio do Departamento de Psiquiatria da UNIFESP. Inicialmente (1994-1996) funcionou dentro do Complexo Hospital São Paulo, com o objetivo de atender funcionários dependentes.



Newsletter