Usuários de drogas HIV positivos: Relação entre os riscos associados à infecção e mudanças de comportamentos posterior a conversão sorológica

28 de novembro de 20133min

Acesse: Usuarios de drogas HIV positivos.pdf

Usuários de drogas HIV positivos:
Relação entre os riscos associados à infecção e mudanças de comportamentos posterior a conversão sorológica

Investigadores: Dr. Ronaldo Laranjeira, PhD
Dr. John Dunn, MRCPsych
Colaborador: Dr. Paul Griffiths

 Botucatu,São Paulo SP, CEP: 04023

O número de usuários de drogas no Brasil que se infectaram com o HIV vem crescendo dia a dia. Apesar disto existe uma grande carência de dados referentes ao comportamento desta população no país. Este projeto visa estudar uma série de comportamentos dos usuários de drogas que já estejam infectados e em contacto com clínicas de tratamento ou aconselhamento. Os comportamentos de interesse são: comportamentos de risco anteriores a infecção pelo HIV; motivos da demora em buscar ajuda para o problema do uso de drogas; expectativas em relação aos tratamentos oferecidos e fatores que possam contribuir para melhor adesão ao tratamento; e mudanças dos comportamentos de risco posterior ao conhecimento da condição de HIV positivo.Serão entrevistados todos os usuários de drogas que tenham feito uso de drogas injetáveis na vida e que frequentem três clínicas diferentes na Grande São Paulo. Os comportamentos serão avaliados por uma entrevista semi-estruturada e por uma série de questionários que serão traduzidos e adaptados de instrumentos já utilizados na literatura internacional. As informações obtidas neste estudo poderão ajudar no entendimento dos fatores que contribuem para a infecção pelo HIV nos usuários de drogas bem como auxiliar as futuras intervenções preventivas com essa população


Sobre a UNIAD

A Unidade de Pesquisa em álcool e Drogas (UNIAD) foi fundada em 1994 pelo Prof. Dr. Ronaldo Laranjeira e John Dunn, recém-chegados da Inglaterra. A criação contou, na época, com o apoio do Departamento de Psiquiatria da UNIFESP. Inicialmente (1994-1996) funcionou dentro do Complexo Hospital São Paulo, com o objetivo de atender funcionários dependentes.



Newsletter