Em conferência, pesquisador norte-americano abordará os circuitos do cérebro que controlam o uso de drogas

26 de junho de 20174min

Compreender os mecanismos que impulsionam o consumo habitual de álcool e drogas, incluindo uso excessivo e prolongado e ciclos de abstenção e recaídas, é objetivo das linhas de investigação do professor David M. Lovinger [foto], chefe do Laboratório de Neurociência Integrativa do National Institute on Alcohol Abuse and Alcoholism (NIAAA), dos Estados Unidos. O pesquisador, que virá a UFMG para cumprir uma agenda de atividades como catedrático do Instituto de Estudos Avançados Transdisciplinares (IEAT), vai ministrar conferência no dia 4 de julho, às 9h, no Auditório Nobre da Escola de Engenharia.

Integrante da programação dos 90 anos da UFMG, a palestra Investigação integrativa dos mecanismos neurais do uso habitual de álcool e cannabis, que será ministrada em inglês pelo professor com tradução simultânea, vai abordar comportamentos habituais e compulsivos controlados por circuitos no cérebro, particularmente o chamado sensório motor, que podem ocorrer apesar das consequências negativas do uso excessivo de drogas.

Na conferência também serão apresentados os efeitos do álcool e do canabinoide em moléculas, células, circuitos e no comportamento de camundongos e primatas. O pesquisador vai descrever as mudanças induzidas por essas substâncias no circuito sensório-motor e a sua influência na intoxicação, no consumo habitual de drogas e no seu uso excessivo após abstenções ou recaídas. Os interessados devem realizar inscrição prévia por meio de formulário on-line. Haverá emissão de certificados para os participantes.

Durante a estada de sete dias na UFMG, David Lovinger visitará laboratórios e centros de pesquisa vinculados ao Instituto de Ciências Biológicas e a outras instituições mineiras, além de ministrar curso para estudantes de graduação e pós-graduação. A formação em Neurobiologia do abuso de drogas terá duração de 15h e será ministrada em inglês nos dias 4, 5 e 6 de julho. As inscrições estão encerradas.

Diretor científico da Division of Intramural Clinical and Biological Research, Lovinger é graduado em Psicologia pela Universidade do Arizona e pós-doutor em Psicologia pela Northwestern University. Atua desde 2001 no National Institute on Alcohol Abuse and Alcoholism (NIAAA) como investigador sênior e chefe do laboratório de Neurociência Integrativa.


Sobre a UNIAD

A Unidade de Pesquisa em álcool e Drogas (UNIAD) foi fundada em 1994 pelo Prof. Dr. Ronaldo Laranjeira e John Dunn, recém-chegados da Inglaterra. A criação contou, na época, com o apoio do Departamento de Psiquiatria da UNIFESP. Inicialmente (1994-1996) funcionou dentro do Complexo Hospital São Paulo, com o objetivo de atender funcionários dependentes.



Newsletter


WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com