Nossa história com a UNIAD – Mobilização Freemind

5 de junho de 20243min164
UNIAD - MOBILIZAÇÃO FREEMIND

Desde a sua fundação, a UNIAD tem sido um farol de conhecimento e inovação, e através da liderança do Dr. Ronaldo Laranjeira, tem proporcionado avanços na compreensão e tratamento do uso de álcool e outras drogas.

Nossa história com a UNIAD é marcada por uma colaboração enriquecedora e inspiradora. Dr. Laranjeira tem sido um parceiro inestimável da Mobilização Freemind, participando ativamente de nossos congressos e eventos, compartilhando seu vasto conhecimento e ajudando a moldar debates cruciais sobre políticas de drogas no país. Sua habilidade em combinar dados estatísticos com insights profundos sobre políticas de saúde pública oferece uma perspectiva única e valiosa, não só para nós, mas para todos que têm o privilégio de assisti-lo em nossos congressos.

A cada congresso a presença de Dr. Laranjeira e a influência da UNIAD reforçam nosso compromisso com a promoção de ambientes mais saudáveis e a prevenção. Suas palestras e painéis, abordando desde as tendências no consumo de drogas até os desafios da legalização da maconha, têm sido fundamentais para o avanço das discussões e para a formação de novas estratégias de combate à dependência química.

A UNIAD, sob a direção do Dr. Laranjeira, continua a ser uma referência mundial no estudo da dependência química. Sua missão de transformar conceitos científicos em ações práticas de saúde pública ressoa profundamente com os objetivos da Mobilização Freemind. Inclusive, acompanhamos com muita atenção sua participação na sessão de debates no Senado Federal sobre a PEC 45/2023, também conhecida como PEC das Drogas.

Parabéns por transformar vidas com sua dedicação e excelência. Que essa história de sucesso e impacto positivo continue a inspirar e a guiar todos aqueles comprometidos com a causa da saúde mental e da dependência química no Brasil.

Mobilização Freemind


Sobre a UNIAD

A Unidade de Pesquisa em álcool e Drogas (UNIAD) foi fundada em 1994 pelo Prof. Dr. Ronaldo Laranjeira e John Dunn, recém-chegados da Inglaterra. A criação contou, na época, com o apoio do Departamento de Psiquiatria da UNIFESP. Inicialmente (1994-1996) funcionou dentro do Complexo Hospital São Paulo, com o objetivo de atender funcionários dependentes.



Newsletter


    Skip to content