Mãe faz apelo dramático a Ludmilla: “Pare de cantar Verdinha, que faz apologia da maconha”

26 de janeiro de 20201min

Indignada, mãe que perdeu o filho por dependência de drogas faz um apelo dramático a Ludmilla: “Pare de cantar a música “Verdinha”, que é apologia da maconha, droga que só causa desgraça nas famílias” .JANI XAVIER fala ao lado da gaveta onde está enterrado o filho Jeferson, no cemitério em Caucaia do Alto, em Cotia, cidade paulista a 35 quilômetros da capital. O FILHO MORREU em 2017, na véspera do Dia das Mães. Dia que Jani não esquece nunca mais porque teve de ir reconhecer o corpo do filho, de 27 anos, no Instituto Médico Legal, de Cotia..“Até hoje, não superei essa dor devastadora!”, Assista à entrevista de Jani Xavier à jornalista Izilda Alves, editora do Diário Antidrogas.

Fonte: http://diarioantidrogas.com.br/


Sobre a UNIAD

A Unidade de Pesquisa em álcool e Drogas (UNIAD) foi fundada em 1994 pelo Prof. Dr. Ronaldo Laranjeira e John Dunn, recém-chegados da Inglaterra. A criação contou, na época, com o apoio do Departamento de Psiquiatria da UNIFESP. Inicialmente (1994-1996) funcionou dentro do Complexo Hospital São Paulo, com o objetivo de atender funcionários dependentes.



Newsletter