22 de setembro de 2020

Ministério Público de São Paulo firma acordo com Federação Amor Exigente

23 de agosto de 20172min

Ministério Público do Estado de São Paulo

Parceria possibilitará trabalho conjunto entre MPSP e entidade do terceiro setor

Na tarde desta terça-feira (22/8), o Procurador-Geral de Justiça, Gianpaolo Smanio, e o vice-presidente da Federação Amor Exigente, Miguel Tortorelli, assinaram um termo de cooperação para um trabalho conjunto do Ministério Público de São Paulo e a entidade. Pelo acordo, cujo prazo de vigência é de 24 meses, o MPSP selecionará pessoas com dificuldades e/ou ruptura de vínculo familiar em razão de comportamento inadequado, especialmente em virtude do consumo de substâncias psicoativas. Essas pessoas receberão acompanhamento do Amor Exigente.

Para facilitar a execução do programa, foi criada uma comissão permanente formada por um promotor do Centro de Apoio Operacional (CAO) da Infância e da Juventude e um representante da Federação Amor Exigente.

Participaram da solenidade os procuradores de Justiça José Roberto Rochel (coordenador-geral do CAO das Promotorias de Justiça Cíveis e de Tutela Coletiva), Gabriel Inellas (presidente da Comissão Processante Permanente dos Membros do Ministério Público) e Mário Sérgio Sobrinho, bem como as promotoras Fernanda Beatriz Gil da Silva Lopes (coordenadora do CAO de Infância e Juventude e Idoso), Fátima Liz Bardelli Teixeira (assessora do CAO de Infância e Juventude e Idoso) e Fernanda Dolce. Fábio Antunes, coordenador do Amor Exigente, também esteve na sede do MPSP.

Núcleo de Comunicação Social

 
 

Sobre a UNIAD

A Unidade de Pesquisa em álcool e Drogas (UNIAD) foi fundada em 1994 pelo Prof. Dr. Ronaldo Laranjeira e John Dunn, recém-chegados da Inglaterra. A criação contou, na época, com o apoio do Departamento de Psiquiatria da UNIFESP. Inicialmente (1994-1996) funcionou dentro do Complexo Hospital São Paulo, com o objetivo de atender funcionários dependentes.



Newsletter