Ministério Público de São Paulo firma acordo com Federação Amor Exigente

23 de agosto de 20172min

Ministério Público do Estado de São Paulo

Parceria possibilitará trabalho conjunto entre MPSP e entidade do terceiro setor

Na tarde desta terça-feira (22/8), o Procurador-Geral de Justiça, Gianpaolo Smanio, e o vice-presidente da Federação Amor Exigente, Miguel Tortorelli, assinaram um termo de cooperação para um trabalho conjunto do Ministério Público de São Paulo e a entidade. Pelo acordo, cujo prazo de vigência é de 24 meses, o MPSP selecionará pessoas com dificuldades e/ou ruptura de vínculo familiar em razão de comportamento inadequado, especialmente em virtude do consumo de substâncias psicoativas. Essas pessoas receberão acompanhamento do Amor Exigente.

Para facilitar a execução do programa, foi criada uma comissão permanente formada por um promotor do Centro de Apoio Operacional (CAO) da Infância e da Juventude e um representante da Federação Amor Exigente.

Participaram da solenidade os procuradores de Justiça José Roberto Rochel (coordenador-geral do CAO das Promotorias de Justiça Cíveis e de Tutela Coletiva), Gabriel Inellas (presidente da Comissão Processante Permanente dos Membros do Ministério Público) e Mário Sérgio Sobrinho, bem como as promotoras Fernanda Beatriz Gil da Silva Lopes (coordenadora do CAO de Infância e Juventude e Idoso), Fátima Liz Bardelli Teixeira (assessora do CAO de Infância e Juventude e Idoso) e Fernanda Dolce. Fábio Antunes, coordenador do Amor Exigente, também esteve na sede do MPSP.

Núcleo de Comunicação Social

 
 

Sobre a UNIAD

A Unidade de Pesquisa em álcool e Drogas (UNIAD) foi fundada em 1994 pelo Prof. Dr. Ronaldo Laranjeira e John Dunn, recém-chegados da Inglaterra. A criação contou, na época, com o apoio do Departamento de Psiquiatria da UNIFESP. Inicialmente (1994-1996) funcionou dentro do Complexo Hospital São Paulo, com o objetivo de atender funcionários dependentes.



Newsletter


WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com