Minha história com a UNIAD – Dra. Ariella Hasegawa, Diretora do AME Psiquiatria Dra. Jandira Mansur

10 de junho de 20243min71
thumbnail_image

Minha história com a UNIAD está profundamente entrelaçada com a minha experiência no Ambulatório Médico de Especialidades (AME) de Psiquiatria Dra. Jandira Mansur. Este equipamento de saúde foi idealizado pelo Dr. Ronaldo Laranjeira com o objetivo de ampliar o acesso da população ao tratamento especializado em saúde mental.

Desde que comecei a trabalhar no AME em 2014, tive o privilégio de colaborar com o Dr. Ronaldo e participar de diversas ações que impactaram positivamente a vida de muitas pessoas que sofrem com o uso de drogas. Entre essas ações, o Programa de Justiça Terapêutica. Neste programa, o Ministério Público de São Paulo encaminha infratores que cometeram delitos relacionados ao uso de substâncias para uma pena alternativa, permitindo que eles realizem um tratamento adequado no AME.

Esse programa é como uma segunda chance para os infratores, oferecendo um caminho de reabilitação em vez de punição, e tem mostrado resultados promissores na recuperação e reintegração desses indivíduos na sociedade.

Gostaria de parabenizar o Dr. Ronaldo por todas essas iniciativas que fazem da UNIAD um sucesso. Graças a seu trabalho, muitos colaboradores, como eu, tiveram a oportunidade de crescer profissionalmente. Mais importante ainda, essas iniciativas transformam a vida da população, resgatando a qualidade de vida e dignidade dos pacientes e suas famílias.

A dedicação do Dr. Ronaldo e sua visão inovadora criaram um impacto duradouro na área de saúde mental e dependência química, mostrando que com compaixão e compromisso, podemos fazer uma diferença real na vida das pessoas.

Dra. Ariella Hasegawa – Diretora do Ambulatório Médico de Especialidades (AME) Psiquiatria Dra. Jandira Mansur


Sobre a UNIAD

A Unidade de Pesquisa em álcool e Drogas (UNIAD) foi fundada em 1994 pelo Prof. Dr. Ronaldo Laranjeira e John Dunn, recém-chegados da Inglaterra. A criação contou, na época, com o apoio do Departamento de Psiquiatria da UNIFESP. Inicialmente (1994-1996) funcionou dentro do Complexo Hospital São Paulo, com o objetivo de atender funcionários dependentes.



Newsletter


    Skip to content