Doria encerra ‘bolsa varrição’ criada por Haddad na cracolândia

5 de março de 20182min

 

Mariana Zylberkan
SÃO PAULO

 

 

Desde a campanha eleitoral de 2016, o prefeito de São Paulo João Doria (PSDB) costuma usar um aposto para expressar sua opinião a respeito do programa anticrack de Fernando Haddad (PT): “Braços Abertos para a Morte”.

Um dos pilares do projeto será extinto a partir de 31 de março, quando 262 usuários de drogas vão deixar de receber a bolsa de R$ 500 por mês em troca de dias trabalhados em serviços como varrição de ruas, jardinagem e reciclagem. Além da bolsa, os usuários têm direito a moradia em hotéis mantidos pela prefeitura e alimentação.

Veja mais em: https://www1.folha.uol.com.br/cotidiano/2018/03/doria-encerra-bolsa-varricao-criada-por-haddad-na-cracolandia.shtml

 


Sobre a UNIAD

A Unidade de Pesquisa em álcool e Drogas (UNIAD) foi fundada em 1994 pelo Prof. Dr. Ronaldo Laranjeira e John Dunn, recém-chegados da Inglaterra. A criação contou, na época, com o apoio do Departamento de Psiquiatria da UNIFESP. Inicialmente (1994-1996) funcionou dentro do Complexo Hospital São Paulo, com o objetivo de atender funcionários dependentes.



Newsletter


WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com