UNODC World Drug Report 2022 highlights trends on cannabis post-legalization, environmental impacts of illicit drugs, and drug use among women and youth

1 de julho de 20221min27
SITE UNIAD

A legalização da cannabis em partes do mundo parece ter acelerado o uso diário e impactos relacionados à saúde, de acordo com o Relatório Mundial sobre Drogas 2022 do Escritório das Nações Unidas sobre Drogas e Crime (UNODC). o relatório também detalha aumentos recordes na fabricação de cocaína, a expansão de drogas sintéticas para novos mercados e lacunas contínuas na disponibilidade de tratamentos de drogas, especialmente para mulheres.

Segundo o relatório, cerca de 284 milhões de pessoas entre 15 e 64 anos usaram drogas em todo o mundo em 2020, um aumento de 26% em relação à década anterior. Os jovens estão usando mais drogas, com níveis de uso hoje em muitos países mais altos do que na geração anterior. Na África e na América Latina, as pessoas com menos de 35 anos representam a maioria das pessoas em tratamento para transtornos por uso de drogas.

Leia a matéria completa em inglês.


Sobre a UNIAD

A Unidade de Pesquisa em álcool e Drogas (UNIAD) foi fundada em 1994 pelo Prof. Dr. Ronaldo Laranjeira e John Dunn, recém-chegados da Inglaterra. A criação contou, na época, com o apoio do Departamento de Psiquiatria da UNIFESP. Inicialmente (1994-1996) funcionou dentro do Complexo Hospital São Paulo, com o objetivo de atender funcionários dependentes.



Newsletter


    Skip to content