25 de setembro de 2020

Número de casos envolvendo drogas sobe nas escolas de SP

27 de março de 20182min

Foram mais de 18 mil casos de vandalismo e 6.800 casos de drogas nas escolas nos últimos 4 anos, segundo dados obtidos com exclusividade pelo R7

As escolas da rede estadual de São Paulo registraram 6.800 ocorrências de consumo ou venda de álcool e outros drogas entre 2014 e 2017, o equivalente a 4,6 casos de presença de entorpecentes em escolas por dia, segundo dados do ROE (Registro de Ocorrências Escolares) obtidos com exclusividade pelo R7, via Lei de Acesso à Informação.

O Registro de Ocorrência Escolares também apresenta dados sobre o vandalismo nas escolas. No mesmo período foram 18.992 ocorrências de danos e outros crimes contra o patrimônio, entre eles depredação, pichação, roubo, furto e invasão, registrados nas mais de 5 mil escolas da rede estadual de educação.

 Veja mais em: https://noticias.r7.com/sao-paulo/numero-de-casos-envolvendo-drogas-sobe-nas-escolas-de-sp-27032018


Sobre a UNIAD

A Unidade de Pesquisa em álcool e Drogas (UNIAD) foi fundada em 1994 pelo Prof. Dr. Ronaldo Laranjeira e John Dunn, recém-chegados da Inglaterra. A criação contou, na época, com o apoio do Departamento de Psiquiatria da UNIFESP. Inicialmente (1994-1996) funcionou dentro do Complexo Hospital São Paulo, com o objetivo de atender funcionários dependentes.



Newsletter