30 de setembro de 2020

Os efeitos do abuso de maconha em pacientes com transtorno de déficit de atenção e hiperatividade

21 de agosto de 20172min

Revista Brasileira de Pesquisa em Ciências da Saúde – http://www.icesp.br/revistas-eletronicas/index.php/RBPeCS/article/view/91

Gabriella Balçanelli

Resumo

O transtorno de déficit de atenção com hiperatividade (TDAH) é um dos transtornos de aprendizagem mais comuns e mais diagnosticados em crianças e adolescentes. A extensa produção acadêmica acerca deste transtorno, que é considerado um problema de saúde pública, relata as diversas comorbidades que afetam os portadores. Dentre estas, uma das mais marcantes e estudadas é a relação entre o TDAH e o abuso ou a dependência de drogas. Questionando-se sobre os possíveis efeitos da maconha, a substância mais popular entre a população adolescente, o presente artigo caracteriza-se como uma revisão da literatura científica sobre o tema, publicada entre os anos 2000 e 2015, nas bases de dados Scielo, EBSCO e Capes.

Palavras-chave

Transtorno de déficit de atenção e hiperatividade; Abuso de maconha; Transtornos de aprendizagem; Fatores de risco; Comorbidade.

Texto completo:

PDF

 
 

Sobre a UNIAD

A Unidade de Pesquisa em álcool e Drogas (UNIAD) foi fundada em 1994 pelo Prof. Dr. Ronaldo Laranjeira e John Dunn, recém-chegados da Inglaterra. A criação contou, na época, com o apoio do Departamento de Psiquiatria da UNIFESP. Inicialmente (1994-1996) funcionou dentro do Complexo Hospital São Paulo, com o objetivo de atender funcionários dependentes.



Newsletter