29 de setembro de 2020

Epidemia de drogas tem assinatura de liberacionistas, diz Osmar Terra

6 de fevereiro de 20182min
Allan White - 20.set.2017

Ministro responde a pesquisadores ‘Não há exemplo de que liberação é positiva’

A CIÊNCIA DOS LIBERTACIONISTAS

Volto a debater a tréplica dos drs. Luís Fernando Toffoli e Sidarta Ribeiro, do lobby pró-liberação das drogas no Brasil ou –como gostam de se autodenominar– do campo “antiproibicionista“, publicada no Poder360.

Passei a me preocupar mais intensamente com a questão das drogas quando fui, por 8 anos, secretário de Saúde no Rio Grande do Sul. Entre 2003 e 2010, em especial a partir de 2006, assisti à explosão da epidemia do crack e a multiplicação exponencial de pessoas, na maioria jovens, com dependência química.

Veja o artigo completo em: https://www.poder360.com.br/opiniao/brasil/epidemia-de-drogas-tem-assinatura-de-liberacionistas-diz-osmar-terra/

 


Sobre a UNIAD

A Unidade de Pesquisa em álcool e Drogas (UNIAD) foi fundada em 1994 pelo Prof. Dr. Ronaldo Laranjeira e John Dunn, recém-chegados da Inglaterra. A criação contou, na época, com o apoio do Departamento de Psiquiatria da UNIFESP. Inicialmente (1994-1996) funcionou dentro do Complexo Hospital São Paulo, com o objetivo de atender funcionários dependentes.



Newsletter